Veículos

Prefeitura de Umuarama deverá assumir estacionamento regulamentado

Sistema municipalizado com uso de aplicativo em celular

Após discussões com a equipe técnica, o prefeito Celso Pozzobom decidiu cancelar o processo de concessão do serviço de estacionamento regulamentado para empresa terceirizada e deve lançar um novo modelo. O município vai adquirir os meios para a gestão do sistema.

De acordo com o secretário municipal de Segurança, Trânsito e Mobilidade Urbana, Valdecir Capelli, o município optou pela gestão própria da chamada zona azul para garantir um serviço de qualidade com preço justo aos usuários. “Com uma empresa terceirizada existe a necessidade contratual da atividade ser lucrativa, além de cobrir os custos operacionais. Já com a gestão pública, que não objetiva o lucro, poderemos ofertar tarifas menores”, explicou.

Para viabilizar a proposta, a Sestram deve adquirir um sistema compatível com a necessidade local e contratar equipamentos por locação. “Já dispomos da mão de obra dos agentes de trânsito e seria preciso apenas completar o quadro funcional. Com a autorização do prefeito, estamos estudando as opções disponíveis no mercado e realizando os levantamentos de dados necessários para definir a quantidade de vagas, horários e custos para composição dos valores”, acrescentou Capelli.

Vagas de curta duração serão ampliadas.

O município iniciou o processo de contratação da empresa que fará os estudos técnicos e a estimativa é de um trabalho bem rápido, pois grande parte dos levantamentos já estão prontos. A previsão é de que o sistema de cobrança do estacionamento rotativo seja implantado até o final de 2024.

“Dada a complexidade do processo, é preciso tomar todos os cuidados e respeitar os procedimentos legais para, ao final, oferecer um serviço de qualidade aos usuários, que terão rotatividade nas vagas ao visitarem o comércio de Umuarama com uma tarifa justa”, completou o prefeito Pozzobom. Será possível, por exemplo, cobrar apenas pelo tempo utilizado. A aquisição e utilização dos créditos será por aplicativo instalado no telefone celular.

Até a volta da zona azul a Sestram deve ampliar o número de vagas para parada de curta duração na região central e aumentar a fiscalização, para que o tempo limite – de até 30 minutos – seja respeitado pelos motoristas. “Com o respeito ao tempo estabelecido, esse recurso garante a rotatividade no uso das vagas. Temos cerca de 400 hoje e poderemos ampliar em cerca de 50% se necessário”, completou o secretário da Sestram.

  • Assessoria 
  • Fotos: Arquivo

Leave a Response

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio

Jornal Milênio

Portal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.