Umuarama

Programa de esterilização de cães e gatos atenderá mais 215 animais em Umuarama

CastraPet Paraná será dia 16 de fevereiro com 215 vagas

O CastraPet Paraná (Programa Permanente de Esterilização de Cães e Gatos), que busca o controle populacional de cães e gatos e prevenção de zoonoses nos municípios do Estado, estará de volta a Umuarama em fevereiro. São 215 cirurgias e as inscrições dos interessados podem ser feitas nesta quarta-feira (11).

O projeto, promovido pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo (Sedest), é realizado com o apoio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Segundo o secretário Rubens Sampaio, o programa é parte do Saúde Única, que relaciona a saúde ambiental, animal e humana, conscientizando a população sobre a importância da castração na saúde dos animais, na prevenção de abandono (evitando ninhadas indesejáveis) e quanto à importância da vacinação, desvermifugação e visitas periódicas ao veterinário, bem como dicas de guarda responsável.

Atendimento será realizado na Escola Souza Naves.

O CastraPet será realizado no dia 16 de fevereiro – uma quinta-feira, novamente na Escola Municipal Souza Naves, que fica na região da Praça 7 de Setembro. As pessoas interessadas em levar seus animaizinhos para serem castrados, devem procurar a Secretaria de Meio Ambiente, no Paço Municipal, levando documentos pessoais como o CadÚnico, RG, CPF e comprovante de endereço, que pode ser uma conta de energia ou de água, por exemplo. Aqueles que tiverem algum documento do pet, como a carteirinha de vacinação, também devem levar.

No dia em que forem realizar o cadastro para participar do programa, os tutores [donos de animais] vão receber um termo contendo orientações de pré e pós-operatórias, que deve ser seguido rigorosamente. “Caso seja identificado que houve o descumprimento dessas regras, normas e orientações, o animal poderá ser reprovado na avaliação clínica e terá o procedimento cancelado.

Esterilização gratuita para cães e gatos.

O programa utiliza uma Unidade Móvel de Esterilização e Educação em Saúde (UMEES) para a castração dos animais, que pode ser feita a partir dos quatro meses e até oito anos de vida, no máximo, para ambos os sexos. Neste momento devem ser priorizados os animais abandonados. Caso existam animais em sua rua, aproveite para realizar o cadastro para evitarmos mais crias indesejadas. Quem fizer o cadastro fica responsável apenas pelos cuidados de pré e pós-operatórios.

  • Assessoria

 

Leave a Response

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio

Jornal Milênio

Portal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.