Saúde

Umuarama registra caso suspeito de febre chikungunya

Resultado definitivo do teste será divulgado em até 30 dias

A Secretaria Municipal de Saúde registrou o primeiro caso suspeito de febre chikungunya em Umuarama, nesta semana. O paciente é um jovem de 18 anos que relatou não ter realizado nenhuma viagem recente – o que caracteriza o possível caso como autóctone.

Agentes de combate a endemias que também trabalham no controle da dengue realizaram ações de bloqueio e orientações na região onde o jovem reside.

O paciente está em acompanhamento e seu quadro é estável. “O exame foi encaminhado ao Laboratório Central do Estado (Lacen) e o resultado deve ser conhecido entre até 30 dias”, informou a diretora da Vigilância em Saúde do município, Sandra Pinheiro. “O Paraná todo está em alerta devido a um surto no Paraguai. A doença é transmitida pela picada da fêmea do Aedes aegypti, o mesmo da dengue, por isso precisamos reforçar as medidas preventivas”, destacou.

Casos no Paraná

No último boletim semanal das arboviroses da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), divulgado na terça-feira (7), o Paraná registra dez casos de chikungunya, sendo seis importados, três autóctones e um em investigação quanto ao local de infecção. Os casos ocorreram nos municípios de Pato Branco, Foz do Iguaçu e São Miguel do Iguaçu. O boletim traz ainda 107 suspeitas notificadas e 41 possíveis casos em investigação.

O secretário municipal de Saúde, Herison Cleik da Silva Lima, informou que o município inicia nesta semana um trabalho de capacitação com a equipe e os agentes que atuam na linha de frente no combate à doença. “Vamos treinar os profissionais de saúde do município para lidar com possíveis casos. O prefeito Hermes Pimentel pediu atenção especial de toda a equipe porque há surtos muito próximos já identificados e os sintomas da doença são bem incômodos”, completou.

Leave a Response

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio

Jornal Milênio

Portal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.