Umuarama

Mulher de Umuarama cai no golpe do boleto falso e perde R$ 5 mil

Consumidor pode comparecer ao Procon negociar dívidas

Uma mulher, que pediu para não ser identificada, caiu em um golpe virtual e perdeu nada menos que R$ 5 mil. Ela pagou um boleto que recebeu por WhatsApp, acreditando que estava quitando uma dívida que tentava negociar. A Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor – Procon Umuarama reforça o alerta: o órgão não envia, de forma alguma, boletos por meios virtuais.

O advogado Toninho Comparsi, secretário do Procon, comenta que este é um caso isolado, porém serve como alerta para todos os cidadãos. “Essa mulher tinha uma dívida e entrou no site da empresa, propondo um acordo e deixou o número de seu whats. Golpistas então entraram em ação e criaram uma conta falsa, como se fosse do Procon, com logo e tudo mais. Ela baixou o boleto enviado e pagou. Quando descobriu o golpe, já era tarde”, relatou.

O secretário é enfático ao dizer: o Procon não solicita, através do WhatsApp, o pagamento de boletos e tampouco solicita informações pessoais dos consumidores. “Caso o consumidor queira negociar uma dívida ele deve vir pessoalmente ao Procon. Após o acordo feito, aí sim o atendente vai imprimir o boleto e entregar ao proponente. Nenhuma outra forma, senão essa, é verdadeira”, adverte.

Os números de WhatsApp oficiais do Procon Umuarama são (44) 98457-1348 e (44) 98457-1099. O telefone fixo é (44) 3621-5600. Horário de atendimento: Segunda a sexta-feira, das 9h às 16h, sem intervalo para almoço.

Leave a Response

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio

Jornal Milênio

Portal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.