Saúde

Médicas de Umuarama apresentam estudo em congresso estadual

Prevenção de disfunção cerebral em pacientes internados em UTI

Médicas do Programa de Residência Médica em Medicina Intensiva da Associação Beneficente de Saúde São Francisco de Assis – Hospital Cemil realizaram um estudo sobre prevenção de disfunção cerebral “delirium” em pacientes internados em Unidades de Terapia Intensiva – UTI. O trabalho foi apresentado no 16º Congresso Paranaense de Medicina Intensiva, em Cascavel, entre os dias 24 e 26 de agosto.

Um episódio agudo de disfunção cerebral é reconhecido na literatura médica como delirium. O vocábulo é proveniente do verbo em latim delirare, que quer dizer “estar fora do caminho”.
De acordo com a preceptora do Programa de Residência Médica em Medicina Intensiva do Hospital Cemil e professora do Curso de Medicina da Unipar, Fabiana Balbino Sant’Ana Fuck, da mesma forma que os demais órgãos, o cérebro também pode apresentar disfunções no curso de uma doença grave.

“O estudo apresentado no 16º Congresso Paranaense é fruto de um longo trabalho realizado na UTI Adulto do Hospital Cemil, onde não apenas é realizado o monitoramento do delirium, mas empregadas medidas preventivas, aumentando as chances de sucesso nos tratamentos, diminuindo a mortalidade e as sequelas cerebrais provenientes da longa internação”, disse.

O estudo “Delirium em Paciente Internados em Unidade de Terapia Intensiva: a Importância da Prevenção”, foi elaborado e apresentado pelas médicas residentes do Hospital Cemil Any Karine Fruhauf e Marina Rossato Biezus e pela acadêmica do Curso de Medicina da FAG, Giuliana Rossato Biezus.
A conclusão é que “a ocorrência do delirium nos pacientes internados em UTIs apresenta um valor expressivo. Além disso, possui impacto importante na morbimortalidade. Desta forma, reforça-se a relevância e as possibilidades de prevenção desse agravo no ambiente de UTI”.

A médica Fabiana Fuck ressalta a importância da pesquisa científica na especialização médica. “É uma etapa importante e decisiva na formação profissional. Os Programas de Residência Médica do Hospital Cemil estimulam a investigação clínica, a pesquisa e o desenvolvimento científico da medicina. Nossas residentes estão de parabéns, não só pelo estudo apresentado, mas pela iniciativa de difundir conhecimentos”, finalizou.

  • Assessoria de Comunicação

Leave a Response

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio

Jornal Milênio

Portal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.