Umuarama

IBGE confirma Umuarama em crescimento com 117 mil habitantes

População da Capital da Amizade aumentou 30% em 22 anos

Os primeiros resultados do Censo Demográfico 2022, divulgados quarta-feira (28), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mantém Umuarama no grupo dos municípios em crescimento no Paraná e no Brasil. Números ainda podem ser atualizados.

A cidade segue esta trajetória desde os anos 2000, passando de pouco mais de 90 mil habitantes na época para 100.676 em 2010, e chegando a 117.095 neste ano – um aumento estimado em 30% na população, no período de 22 anos.

Comparado ao último censo, o crescimento da população foi em torno de 17% – média de 1,27% ao ano, com o acréscimo de 16.425 moradores. Umuarama tem hoje uma população residente maior que na década de 1970 (eram 113.697 habitantes), quando a produção cafeeira movimentava a economia regional e distritos hoje emancipados faziam parte do território do município – casos de Perobal, Ivaté e Alto Paraíso (antes chamado de Vila Alta).

Distritos emancipados

O prefeito Hermes Pimentel lembra que com a emancipação desses distritos Umuarama perdeu parte da população na década de 90 e atingiu o menor número de habitantes dos últimos 50 anos. Com o fim do ciclo do café, houve uma redução de 113,6 mil nos anos 70 para 100,2 mil em 1991. “Chegamos a 90.690 no início dos anos 2000, com o desmembramento dos distritos, mas a cidade iniciou um ciclo de recuperação econômica a partir de então e a população voltou a subir, chegando aos 117 mil de hoje”, apontou.

Cidade tem 44.244 domicílios ocupados em 8.055 não ocupados.

Conforme o Censo de 2022, Umuarama tem 44.244 domicílios particulares permanentes ocupados e 8.055 não ocupados, com uma média de 2,64 moradores por domicílio ocupado. Os recenseadores visitaram 52.387 domicílios durante o levantamento de dados demográficos, realizado ao longo do ano. A densidade demográfica ficou 94,85 habitantes por km², sendo 1.235 km² a extensão territorial total do município.

Crescimento

“Estamos aguardando os indicadores econômicos e sociais que o IBGE apurou durante o Censo, mas com os dados preliminares já é possível verificar que a cidade segue a tendência de crescimento”, avaliou o prefeito Pimentel. Segundo ele o poder público segue planejando e executando melhorias na infraestrutura urbana, abrindo novos parques industriais, estimulando a atividade agropecuária, industrial e comercial para a abertura de empregos a fim de manter a força de trabalho na cidade e desenvolver a economia.

Estruturas

Como exemplos de incentivos, Pimentel cita a duplicação da rodovia PR-323 pelo Governo do Estado, duplicações e melhorias nas vias de acesso à cidade, pavimentação de estradas rurais, o Programa de Desenvolvimento Econômico de Umuarama (Prodeu) – que concede terrenos para instalação de indústrias e grandes empresas –, e a conclusão de obras públicas que estavam paradas ou avançando em ritmo lento, como por exemplo a nova rodoviária, o restaurante popular, escolas municipais e o Centro de Eventos, que nas próximas semanas receberá a nova pintura, última etapa da construção.

  • Assessoria 

Leave a Response

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio

Jornal Milênio

Portal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.