Política

Conselho do Meio Ambiente inicia consulta pública sobre APA do Rio Piava

Revisão visa garantir preservação de aproximadamente 3.500 alqueires

O Conselho e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Umuarama abriram a primeira Consulta Pública da Revisão do Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental (APA) do Rio Piava. Toda a população é convidada a participar, respondendo a perguntas e deixando sugestões com o tema ‘Visão das Comunidades Sobre a Unidade de Conservação’, em levantamento que será realizado totalmente on-line.

Segundo a presidente do Conselho Municipal de Meio Ambiente (CMMA), Fernanda Periard Mantovani, serão analisadas apenas as contribuições que forem postadas até a próxima quarta-feira (22). “É fundamental que todos participem, pois a APA do Piava é um bem de toda a população e qualquer discussão acerca desse patrimônio estratégico, necessita da opinião de todos”, explica.

questionário é fácil de ser respondido, segundo Fernanda, e busca elementos para garantir o desenvolvimento ambiental sustentável, com uma infraestrutura urbana para melhorar a qualidade de vida de todos os moradores de Umuarama. “A APA da Bacia de Captação do Rio Piava foi criada pelo Decreto Municipal nº 050/98, com o objetivo de assegurar a proteção dos ecossistemas, bem como proteger as águas do rio, controlar o uso do solo e estabelecer os critérios racionais de ocupação da área. É uma tarefa que tem de ser constantemente realizada, daí a importância da revisão do Plano de Manejo”, afirma a presidente.

Ela informa que a APA possui área total de 8.344,6644 hectares (ou 3.448,2083 alqueires). “Para assegurar a utilização da área da APA, de forma sustentável, foi estabelecida a elaboração do Plano de Manejo, que será um instrumento tanto para levantar as demandas, quanto para nortear a implementação de medidas que busquem o desenvolvimento econômico, social e ambiental, intervindo nos aspectos socioambientais que determinam a utilização e ocupação dessa unidade de conservação”, explica.

Para resumir, o secretário municipal de Meio Ambiente, Rubens Sampaio, descreve o Plano de Manejo como um instrumento de gestão que implicará em normas para regularizar as atividades realizadas em toda essa área. “Temos de lutar fortemente, juntos com toda a comunidade, pela preservação dessa APA, de forma a garantir o uso sustentado dos recursos naturais disponíveis, assegurando a qualidade dos recursos hídricos e o manejo adequado do solo e da água”, observa.

Estação de Captação de Água no Rio Piava.

Ele complementa que a realização dessa consulta pública, para enumerar o pensamento da população a respeito da APA, vai contribuir também para a proteção das nascentes, cachoeiras, cursos d’água, áreas de preservação permanente, reserva legal, áreas de reflorestamento com espécies nativas e exóticas, área de uso do solo, culturas permanentes e temporárias, estradas rurais etc. “Precisamos dessa participação para podermos cuidar da recuperação de áreas (quando necessário), da conservação e proteção dos recursos naturais, bloquear e impedir os possíveis efeitos nocivos da intervenção do homem nos recursos naturais, enfim, termos elementos para implantar uma política de conscientização da sociedade, para que a proteção ambiental faça parte do processo de desenvolvimento da cidade”, esclareceu.

Como participar

1ª Consulta Pública da Revisão do Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental do Rio Piava – Coordenação: Conselho Municipal do Meio Ambiente e Secretaria Municipal de Meio Ambiente – Abertura da pesquisa: 15/02/2023 – Encerramento: 22/02/2023 – Formulário para participação: https://forms.gle/bXsHQTdVadfpdeba7 – Informações: (44) 3621-4141 – Ramal 101.

Para responder ao questionário clique aqui.

  • Assessoria de Comunicação
  • Imagens: Região da Apa Rio Piava

Leave a Response

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio

Jornal Milênio

Portal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.