Umuarama

Empresa começa recuperar trecho danificado da Avenida Portugal

Obra nova não resistiu ao tráfego e já precisa de reparos

A empresa responsável pela obra de duplicação da Avenida Portugal – entre a Rua Monteiro Lobato e a Rodovia PR-482 – iniciou os reparos nos trechos em que o pavimento apresentou problemas, após a liberação ao tráfego. A empreiteira havia sido notificada pela prefeitura.

Apesar de destinada ao trânsito urbano a via recebe veículos pesados, inclusive caminhões canavieiros. E em alguns pontos o tipo de asfalto projetado não resistiu ao uso, sofrendo ondulações e solapamento, gerando muitas reclamações aos usuários.

A pavimentação da duplicação, já toda executada, contou com galerias pluviais, além de outros contratos de iluminação em LED e um trecho de muro de arrimo. Uma pista nova foi implantada (sentido centro) e a parte antiga (sentido rodovia) teve a base reforçada em alguns trechos e foi totalmente recapeada. Por conta dos reparos a circulação de veículos exige mais atenção dos motoristas, pois em alguns trechos a passagem é estreitada para operação das máquinas.

A previsão da empresa é de que em mais 15 dias os reparos estejam finalizados e a avenida possa receber a sinalização definitiva. A nova capa asfáltica será reforçada – nos pontos onde a resistência é mais exigida – com polímeros em sua composição, para aumentar a elasticidade do pavimento e evitar o rompimento e o acúmulo nas margens, notado diante do tráfego pesado.

Duplicação

A duplicação foi planejada para estimular o desenvolvimento da região do Jardim Cruzeiro e bairros próximos, além de criar uma opção de acesso ao shopping, às empresas locais e à nova rodoviária. A região, que já abriga um mercado de atacado e várias indústrias de pequeno e médio porte, ainda tem grande potencial de crescimento.

Serviço deverá ser concluído em 15 dias.

A avenida tem 3,2 mil metros de extensão total, da Praça Portugal até o trevo da PR-482. O serviço está sendo realizado pela Sotram Construtora e Terraplenagem com acompanhamento técnico e laboratorial da empresa Consolotec, contratada pelo município para assessorar a equipe técnica de engenharia municipal, atestando a qualidade do pavimento através de ensaios técnicos normativos.

Do ponto de vista logístico, a Portugal possibilita uma conexão eficiente às avenidas Dr. Ângelo Moreira da Fonseca e Rio Grande do Norte, que ligam às regiões mais movimentadas da cidade. Além disso, permite distribuir melhor o fluxo de veículos que circulam da rodovia para a região central.

Investimento de quase R$ 5 milhões

O investimento na pavimentação é de R$ 4,9 milhões em recursos do Governo do Estado, por meio do Programa ParanáCidade, com contrapartida municipal. São 27 mil m² de asfalto novo, recapeamento e adequações.

Além de melhorar esse importante acesso ao centro, a obra modernizou uma das rotas mais utilizadas por caminhões vindos do Paraguai e Mato Grosso do Sul, pela ponte de Porto Camargo (Icaraíma) rumo à PR-323 e o Norte do Paraná.

Na instalação das luminárias em LED (78 conjuntos de postes com braços ornamentais duplos em 156 luminárias) o investimento foi de R$ 890.548,78. Além disso, também foi implantado uma calçada para a caminhada de pedestres ao lado da ciclovia existente.

  • Assessoria

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.