Umuarama

Mais peixes para repovoamento dos lagos de Umuarama

Segunda fase de repovoamento dos lagos com peixes juvenis

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente concluiu nesta quarta-feira (9), a soltura de peixes para repovoamento do Lago Aratimbó com espécies nativas. Nessa etapa foram soltos  mais 20 mil peixes juvenis das variedades lambari, curimba e piau.

A ação é parte do projeto de revitalização lançado pelo prefeito Hermes Pimentel. Na primeira etapa foram soltos 25 mil espécimes em idade juvenil nos lagos Aratimbó e Tucuruvi (Parque Dom Pedro). O secretário do Meio Ambiente, Rubens Sampaio, disse que agora é necessário o apoio da comunidade para que os peixes possam se desenvolver.

Conscientização

“É muito importante suspender a pesca em ambos os lagos para manter o equilíbrio ambiental e evitar jogar lixo e outros resíduos nas galerias pluviais que desembocam no lago. A poluição é uma ameaça para as espécies que convivem harmoniosamente neste ecossistema”, solicitou. A Prefeitura intensificou a fiscalização e conscientização dos frequentadores para parem de pescar e ajudem a preservar este ambiente.

Milhares de peixes juvenis foram soltos nos dois lagos.

Qualidade da água

O secretário Rubens Sampaio acrescentou que a Prefeitura estuda medidas para evitar o assoreamento e monitorar a qualidade da água através de análises laboratoriais. As primeiras análises demonstraram que o Lago Aratimbó encontra-se em estado favorável para manutenção e reprodução dos novos peixes. “Este é um dos pontos mais visitados da cidade e logo será um dos mais bonitos, com sombra, flores, pistas bem cuidadas e uma bela vista”, completou.

  • Editoria Milênio

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.