Umuarama

Pastoral da Ecologia manifesta intenção de assumir a Sala Aré

Instituto Federal do Paraná será um dos parceiros da iniciativa

A Pastoral da Ecologia Integral da Diocese de Umuarama manifestou oficialmente o interesse de assumir a administração, e atividades a serem desenvolvidas pela Sala Aré, no Bosque do Índio. A iniciativa tem o apoio do Bispo Dom João Mamede Filho, que está    preocupado com a orientação ambiental para com as crianças.
Representantes da Diocese de Umuarama já se reuniram esse mês com o prefeito Hermes Pimentel e apresentaram a proposta. A comissão estava composta por Luiz Antoniassi (Coordenador da Pastoral da Ecologia Integral), Padre Carlos Alberto Figueiredo (Pároco do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro), Nélio Guazzelli (Engenheiro Civil, Ex vice-prefeito e ambientalista da ADEMA) e Amós Westphal (ambientalista e presidente do Instituto Ambiental Amós Westphal).
Segundo Luiz Antoniassi, o prefeito reconheceu que a educação ambiental é uma questão que também o preocupa, e assinalou que é possível a equipe da pastoral trabalhar em parceria com a prefeitura. Uma alternativa viável para promover conhecimentos.
O objetivo da pastoral é criar nesta sala um coletivo educador, onde terá a participação de várias entidades. O Instituto Federal do Paraná (IFPR) já está confirmado e o Instituto Ambiental Amós Westphal, também. “Formaremos educadores ambientais, que irão orientar as crianças da Catequese e Infância Missionária da Diocese e também os alunos das escolas municipais, na questão ambiental. Não será apenas uma sala, vamos usar o bosque, criando trilhas específicas para orientar estas crianças quanto ao meio ambiente, fazendo assim conhecerem árvores, sementes, plantas, animais e as nascentes dentro do bosque”, explicou Antoniassi.
Representantes da Diocese e ambientalistas reunidos com Hermes Pimentel.
Reconstrução
A antiga Sala Aré já foi demolida e terá sua estrutura reconstruída em um prazo previsto de seis meses. O investimento do município será de R$ 222.476,83 para uma edificação de 181,45 m², no mesmo local.
A reconstrução finaliza o projeto de revitalização do Bosque dos Xetá, executado pela administração municipal nos últimos anos, que contou com a implantação de um canal aberto de drenagem pluvial para eliminar o problema da erosão no interior da mata e construção de nova pista de caminhada com iluminação.

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.