Saúde

Vigilância Sanitária investiga laboratório sobre dados da Covid-19

Falha do laboratório gerou inconsistência nos dados

A Vigilância em Saúde de Umuarama abriu processo administrativo contra um laboratório que não vinha comunicando informações sobre a Covid-19 no sistema Notifica Paraná. Essa falha é responsável por gerar inconsistências nos dados do boletim da doença, emitido pela Secretaria Municipal de Saúde e divulgado diariamente à imprensa.

De acordo com Franzimar Morais, diretor da Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa), o sistema de controle de dados sobre a covid-19 é alimentado com informações repassadas tanto pelas secretarias de saúde dos municípios, quanto por instituições notificadoras, que são os laboratórios, as farmácias e os serviços de saúde particulares. “Equipes da Vigilância em Saúde visitaram os laboratórios num primeiro momento, depois enviamos ofício sobre essa responsabilidade, dando um prazo para que os dados fossem atualizados. Um dos laboratórios não respeitou os comunicados oficiais”, relatou.

Morais disse que o trabalho de fiscalização já tem alguns meses e é realizado pela Vigilância em Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, Vigilância Sanitária e Vigilância em Saúde do Trabalhador. “Verificamos várias inconformidades, como notificações sem o resultado dos exames (positivo ou negativo), ficando o paciente como suspeito, mesmo após receber alta médica, notificações sem preenchimento de alta médica, ficando o paciente positivo ativo mesmo após a cura da doença e subnotificações, que são pacientes positivos sem ser notificados, entre outros”, relata o diretor da Covisa.

Ele relata ainda que o inquérito administrativo sanitário, aberto contra o laboratório que tem omitido os dados ao Notifica-PR, é um processo que pode gerar de multa à interdição. “Acreditamos que agora, por meio desse instrumento jurídico que estabeleceu novo prazo para a atualização dos dados, conseguiremos sanar as irregularidades dentro do sistema”, observou.

O diretor da Covisa comunicou que os outros notificadores [laboratórios] já estão se ajustando e cadastrando no sistema todas as informações dentro do prazo estabelecido. “Com estas ações de orientação e fiscalização, haverá atualização na base de dados do Notifica/PR, que devem implicar na alteração dos números atuais e históricos dos boletins Covid divulgados no município nos próximos dias”, adverte.

  • Assessoria

 

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.