Umuarama

Umuarama chega a 300 mortos pela Covid-19

Nove pessoas estão internadas em UTI e 12 em enfermarias

Oficialmente, Umuarama atingiu nesta quarta-feira (18), a marca de 300 pessoas mortas por complicações provocadas pela Covid-19, desde o início da pandemia. Aproximadamente 14 mil pessoas foram infectadas e já recuperaram a saúde.
De acordo com o Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, as últimas vítimas fatais da doença são duas mulheres. Uma, de 82 anos faleceu no dia 15 no Hospital Norospar, e outra, de 38 anos, no dia 17 no Hospital Uopeccan. Ela era diretora do Centro Municipal de Educação Infantil do Bairro Sonho Meu.
Desde o início da pandemia – em março de 2020 – 15.776 pessoas tiveram diagnóstico positivo para o coronavírus. Destas, 13.830 se recuperaram (88%), 1.629 estão fazendo o tratamento médico em suas residências e 17 recebem atendimento em unidades hospitalares do município.
A Secretaria Municipal de Saúde também informa que 12 novos casos de covid-19 foram confirmados, sendo 6 mulheres e 6 homens.
Nestes 17 meses de pandemia de coronavírus, 38.664 pessoas buscaram atendimento médico nas unidades básicas e saúde e no Ambulatório de Síndromes Respiratórias (a chamada Tenda Covid). Deste total, 22.045 casos foram descartados, 843 pessoas são tratadas como casos suspeitos e duas aguardam resultado dos exames hospitalizadas.
Leitos
A questão da ocupação de leitos exclusivos nas alas Covid, coordenados pelo SUS (Sistema Único de Saúde), tem 23 das 64 enfermarias ocupadas (36%), assim como 19 dos 37 leitos de UTI (51%), em dados fornecidos pela Macrorregional de Saúde.
Editoria Milênio

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.