Policial

Polícia Civil já tem suspeito por triplo assassinato em Umuarama

Perito examina carro e objetos de suspeito de triplo assassinato

A Polícia Civil de Umuarama deteve nesta segunda-feira (9), um homem suspeito de ter cometido os assassinatos do empresário Antônio Soares dos Santos, 65, da sua mulher Helena Maria dos Santos Marra, 59 e da filha do casal, Jaqueline Soares dos Santos, 39. O investigado, Jean Michel de Souza, 41, está na sala de triagem da 7ª SDP aguardando procedimentos da investigação.

Jean Michel é tido como companheiro da advogada Jaqueline, há quatro anos. Mas atualmente ele estava residindo na casa de sua mãe. Um delegado e um investigador estiveram na loja de Michel e o convidaram para prestar esclarecimentos na delegacia. Um familiar dele também prestou informações aos policiais. Dois veículos e objetos foram recolhidos para perícias técnicas, e o de Jean, um GM Astra, foi periciado ainda esta noite.

Com o resultado da perícia em mãos, o delegado chefe da 7ª SDP, Osnildo Carneiro deverá colher o depoimento formal do suspeito, com a presença de um advogado defensor, e decidir pela requisição ou não de prisão dele. Ele já confirmou aos policiais que esteve na casa das vítimas logo após o almoço do domingo, Dia dos Pais, mas negou envolvimento nos crimes. Polícia diz ter indícios de participação dele.

O casal de empresários era pai da juíza de direito Eveline Marra, da 2ª Vara Criminal de Paranavaí. O companheiro dela também é magistrado na mesma comarca.

Os crimes aconteceram provavelmente no domingo à noite. Os corpos foram encontrados na manhã desta segunda-feira pela empregada, no sobrado da família localizado na Avenida São Paulo – próximo da Praça do Japão. A princípio não foram levados pertences da casa. Um veículo estava na garagem e outro estacionado na rua.

  • Editoria Milênio
  • Foto: Arquivo Pessoal

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.