Umuarama

Umuarama na pandemia: 7 mortes em 6 dias

Cidade tem 59 pessoas hospitalizadas, sendo 20 em UTIs

Sete óbitos em decorrência da Covid-19 foram confirmados pela Secretaria Municipal de Saúde entre os dias 26 a 31 de maio. As vítimas fatais da doença contagiosa chegaram a 197 e o sistema hospitalar está praticamente colapsado nesse momento.
Segundo a Secretaria de Saúde, uma mulher de 55 anos morreu dia 30 no Hospital Cemil. As outras 6 vítimas são do sexto masculino, com idades de 45, 50, 54, 60, 78 e 84 anos. Duas mortes ocorreram no Cemil, 2 no Hospital Uopeccan, 1 no Ambulatório de Síndromes Gripais e outra no Instituto Nossa Senhora Aparecida.
Agora são 197 as vítimas do coronavírus em Umuarama, desde o início da pandemia.
Mais de 12 mil positivados
O número de diagnósticos positivos aumentou para 12.069 com o acréscimo de 103 casos, acumulados desde o último sábado até esta terça-feira (1). Os novos casos são 52 mulheres, 44 homens e 7 crianças. A cidade tem hoje 495 positivados em isolamento domiciliar, 59 pacientes hospitalizados (20 deles em unidades de terapia intensiva e 39 em enfermarias) e 2.086 pessoas com suspeita de infecção pelo coronavírus, aguardando exames ou o fim do isolamento.
Outros 11.342 pacientes conseguiram se recuperar. As notificações de síndromes gripais acumuladas desde março do ano passado somam 30.090, das quais 15.935 foram descartadas.
Leitos lotados
A ocupação de UTIs exclusivas para Covid supera os 100% – há 38 pacientes, embora o número de leitos contratados junto aos hospitais locais seja 37, e 60 pessoas em enfermarias (são 64 conveniadas ao Sistema Único de Saúde – SUS).
[Assessoria]

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.