Policial

Secretária Cecília Covidini diz que apoia investigação

Operação Metástase do Ministério Público Estadual em Umuarama

Cecília Cividini Monteiro da Silva, secretária municipal de Saúde de Umuarama afastada do cargo pela Justiça, disse em nota que ‘aceitou com absoluta serenidade e consciência tranquila o seu afastamento, e que está à disposição das autoridades para contribuir com a apuração dos fatos naquilo que for do seu conhecimento”. E reafirmou seu apoio  integral ao prosseguimento das investigações e punição de eventuais culpados. (veja nota]

Diante do pedido judicial de afastamento da secretaria da Saúde, o prefeito Celso Pozzobom informou que a ordem  seria cumprida e que nas próximas horas seria divulgado o nome da pessoa que iria substituí-la no comando do órgão. Na ação do Ministério Público Estadual no dia 5 de maio, houve busca e apreensão na sede de secretaria e a prisão da diretora Renata Figueiredo Campagnole de Oliveira.

A Operação ‘Metástase’ do Ministério Público Estadual, do Gaeco e da Sub-Procuradoria de Justiça de Curitiba investiga uma possível organização criminosa suspeita de desviar R$ 19 milhões do Fundo Municipal de Saúde de Umuarama, desde o início de 2020. No dia 5 de maio, 7 pessoas suspeitas foram presas e cumpridos 62 mandados de busca e apreensão com recolhimento de equipamentos eletrônicos, documentos, armas e até dinheiro em espécie, segundo promotores que investigam as denúncias.

  • Foto: Divulgação

[Editoria Milênio]

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.