Umuarama

Aciu defende redução de IPTU e Alvará de Licença para empresas

Comércio é segmento dos mais penalizados com as medidas restritivas

Os recentes decretos estaduais e municipais referentes à pandemia de coronavírus agravaram a situação de empresas e colaboradores, o que motivou a Associação Comercial, Industrial e Agrícola (Aciu) a encaminhar ofício ao Poder Executivo, requerendo medidas capazes de atenuar as dificuldades operacionais de um número crescente de empreendimentos.

“A partir de um mapeamento detectamos um elevado número de empresas à beira da impossibilidade de arcar com despesas elementares, como saldar a folha de pagamento. As expressivas perdas já resultaram, infelizmente, em fechamentos e perda de empregos”, explica o presidente Orlando Luiz Santos.

O documento salienta que o comércio – embora exerça constante vigilância em relação ao respeito aos protocolos vigentes – é o segmento mais penalizado pelas medidas restritivas ao longo de mais de um ano de pandemia.

Como forma de dirimir os efeitos da crise, propõe isenção do pagamento do alvará de funcionamento para empresas com até dez funcionários, e, acima deste percentual, 50% de desconto, bem como desconto similar no IPTU das empresas e para colaboradores com titularidade de imóvel, para pagamento em três parcelas (a partir de junho).

O ofício foi protocolado no início da tarde desta terça-feira (23) na Prefeitura Municipal, e solicita expedição de parecer emergencial.

[Assessoria de Comunicação]

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.