Região

Diocese de Umuarama lamenta morte de catequista

Comoção na morte de professora e catequista de Tapira

A Diocese de Umuarama lamentou profundamente a morte da catequista Ana Travaglia Vieira, ocorrida no dia 26 de novembro. Ana foi mais uma vítima de contaminação pela Covid-19 e não resistiu às complicações provocadas pela doença contagiosa.

Ana Travaglia, uma mulher dedicada ao serviço da Igreja Católica, foi catequista e coordenadora Paroquial da Catequese por aproximadamente 20 anos, na cidade de Tapira. Graduada em pedagogia, Ana atuou como educadora de turma especial na APAE, onde era elogiada pela equipe de trabalho. A sua despedida causou grande comoção na comunidade que ela servia.

“A Diocese de Umuarama juntamente com a Coordenação Diocesana da Catequese, representada pela Irmã Maria Vieira Feitosa, presta sinceras condolências à família de Ana Travaglia Vieira que faleceu vítima da Covid-19. Fica o sentimento de gratidão pelo serviço que Ana prestou, como Coordenadora Paroquial da Catequese da Paróquia Nossa Senhora do Rocio e São Sebastião, do Município de Tapira. A alegria, humildade e generosidade que ela transbordava deixará saudades”.

Segundo boletim epidemiológico, Tapira já registrou mais de 70 casos positivos de coronavírus, com dois óbitos. São 42 pessoas que se recuperaram da doença.

  • Imagens: Divulgação

[Editoria Milênio]

Ana Travaglia

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.