Saúde

Cisa altera rotina de atendimento a pacientes

O Consórcio Intermunicipal de Saúde – Cisa-Amerios adotou uma série de medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública em decorrência da Infecção Humana pelo Covid-19 (novo coronavirus). As medidas de prevenção passaram a valer dia 17 de março, em sua sede e unidades localizadas em Umuarama.

Em reunião com a coordenação e diretorias dos setores responsáveis pelo atendimento aos pacientes e agendamento de consultas, o presidente do Consórcio e prefeito de Alto Piquiri, Luís Carlos Borges Cardoso determinou mudanças na rotina de atendimento em todas as unidades do Cisa.

“O Cisa-Amerios está tomando todas as medidas necessárias para proteger pacientes, acompanhantes e os nossos profissionais de saúde do Coronavírus e outras doenças contagiosas”, disse Cardoso.

Foram cancelados todos os eventos públicos, palestras, cursos, bem como serviços de voluntariado e ações internas e externas que promovam a aglomeração de pessoas.

Outras medidas:

– A oferta de álcool gel será ampliada em todas as unidades e disponibilizado também em salas de espera e corredores para pacientes, acompanhantes e colaboradores.

– Somente pacientes menores de 18 anos, maiores de 60 anos ou portadores de necessidades especiais terão direito a acompanhante.

– Será permitido somente um acompanhante por paciente.

– Acompanhantes que tenham sintomas como: febre, coriza, tosse ou espirros não serão permitidos.

– Serão fornecidas máscaras cirúrgicas para todo paciente que apresente sintomas como: febre, coriza, tosse ou espirros, como medida de prevenção.

– Limpeza e desinfecção de consultórios, salas de espera e corredores será intensificada.

– Será restringida a entrada de pacientes e acompanhantes no refeitório onde é servido o café da manhã, recomendado manter distância de um metro entre uma pessoa ou outra. Apenas 50 pessoas poderão adentrar o refeitório por vez.

– Os pacientes serão orientados a aguardar consultas e procedimentos na área externa, onde há cobertura e acentos e a circulação de ar é melhor.

“São medidas necessárias para que não se repita aqui o que aconteceu na Europa ou na China. A prevenção é sempre o melhor remédio”, destacou Cardoso.  O presidente do Cisa voltou a enfatizar o perigo de outras epidemias que podem ser tão perigosas quanto a do novo coronavírus, como a dengue.

“Só não vamos esquecer da dengue, que já tem milhares de casos confirmados e continua avançando em todo o Paraná, especialmente na nossa região. A vacinação contra o sarampo e a gripe também são fundamentais. Como sempre, a saúde está em nossas mãos, é dever do estado, mas a responsabilidade com a prevenção é de todos”, destacou.

Assessoria)

Presidência do Cisa-Amerios adotou medidas preventivas ao Covid-19.

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.