Esporte

Atletas do Programa Geração Olímpica receberam kits esportivos

A Superintendência do Esporte no Paraná distribuiu neste mês de dezembro os kits de identificação visual para os atletas bolsistas do Programa Geração Olímpica. Os bolsistas que moram no interior do Estado já podem retirá-los nas sedes dos Núcleos Regionais da Educação.

Em Umuarama a distribuição aconteceu na segunda-feira (16), no anfiteatro da Prefeitura. O chefe do Escritório Regional da Esporte Paraná, Adalberto Carlos Rigobello, coordenou a entrega aos atletas, juntamente com a chefe do Núcleo Regional de Educação, Gilmara Zanata. Ele explicou que  os kits foram entregues aos bolsistas de Umuarama, Cianorte e Pérola. Também participaram do ato o prefeito Celso Pozzobom, o Reitor da Unipar, Carlos Eduardo Garcia, o gerente regional da Copel, vereadores e representantes da Polícia Militar, da Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros, Seab e outras autoridades.

O Geração Olímpica distribuiu neste ano 1.223 bolsas esportivas nas modalidades olímpicas e paralímpicas para jovens promessas, atletas de renome mundial e técnicos. A Companhia Paranaense de Energia (Copel), patrocinadora da iniciativa, investiu R$ 4,75 milhões nesta edição. Desde 2011, quando foi criado o programa, já foram investidos R$ 35 milhões com o intuito de impulsionar a carreira de atletas e técnicos do Estado em todas as modalidades.

“Temos muito orgulho de ter esses atletas apoiados pelo Governo. Já temos a confirmação da continuidade do programa durante todo o mandato do governador Ratinho Junior. Sabemos da responsabilidade do Geração Olímpica para que os atletas continuem tendo um bom desempenho esportivo, representando o Paraná. O resultado já vem aparecendo como, por exemplo, os seis atletas bolsistas que já garantiram vagas para o Brasil nas Olimpíadas Tóquio 2020. É esse o trabalho que a gente se propõe a fazer, apoiando atletas desde a base até o alto rendimento”, declarou o superintendente do Esporte, Hélio Wirbiski.

O programa é coordenado por Denise Golfieri. De acordo com ela, na última edição dos Jogos Escolares da Juventude, competição organizada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), que aconteceu em Blumenau (SC), em novembro, o Paraná garantiu novamente a segunda posição no quadro geral de medalhas. Foram 85 no total sendo 52 delas conquistadas por bolsistas do programa nas modalidades individuais.

“A maioria dos atletas iniciaram na categoria Formador do programa, que é a porta de entrada para a consolidação de grandes atletas. Esse apoio financeiro permite que eles possam dedicar mais tempo aos treinos e aperfeiçoamento da prática esportiva. E sem a parceria com a Secretaria de Educação, esses resultados certamente não seriam possíveis de alcançar desde a iniciação”, afirmou.

Programa

O programa Geração Olímpica se divide em seis categorias: Formador, Técnico Formador, Estadual, Técnico, Nacional e Olimpo – este último destinado a atletas com resultados internacionais e que têm reais condições de estarem nos Jogos de Tóquio 2020. Elas variam de R$ 200 a R$ 3.000. Este é considerado o maior programa de bolsa-atleta do País, em nível estadual.

Fotos: Divulgação.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.