Paraná

Projeto vai atender famílias pobres com casas populares

Cafezal do Sul e Guaíra estão na lista dos 11 municípios do Paraná incluídos em projetos de casas populares para atender famílias  em situação de vulneabildiade social. O plano de trabalho para a construção dos 303 imóveis foi assinado terça-feira (26) pelo presidente da Cohapar, Jorge Lange, o secretário de Estado da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, e prefeitos das cidades beneficiadas.

As obras serão financiadas com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que serão utilizados para subsidiar integralmente o valor dos imóveis. “As casas vão atender pessoas que realmente precisam e não têm condições de arcar com os custos de financiamento imobiliário de outros projetos habitacionais”, destacou o presidente da Cohapar.

“Estamos priorizando ações de grande alcance social, como a construção de casas para famílias em situação de alta vulnerabilidade social, proporcionando dignidade aos que mais precisam”, disse Leprevost. Ele também destacou que essa gestão tem priorizado o investimento em ações para geração de emprego e renda e qualificação profissional dos trabalhadores.

O prefeito de Cafezal do Sul, Mário Junio Kazuo, observa que as moradias são uma necessidade no município e irão proporcionar mais dignidade às famílias atendidas. Para o prefeito de Guaíra, Heraldo Trento, as 23 casas que serão construídas no município são apenas o início de uma grande parceria entre a prefeitura, Secretaria da Justiça e Cohapar. “Somos os maiores apoiadores deste programa e estamos certos que este é o primeiro passo para novos convênios”, disse, lembrando que o município é fronteiriço, com muitos problemas sociais.

O Plano de Trabalho prevê para dezembro a publicação do edital de licitação nacional para a construção das casas e, em março de 2020, o início das obras, com conclusão planejada para o final do próximo ano.

No documento constam, ainda, orientações sobre a tramitação de lei municipal que deverá ser enviada às câmaras de vereadores ainda este ano, autorizando o Governo do Paraná a construir nos lotes individualizados cedidos pelos municípios, bem como a doação do terreno ao beneficiário final.

A Cohapar será responsável pela contratação das empreiteiras e a secretaria da Justica, por meio do programa Nossa Gente, pelo acompanhamento dos beneficiários das novas casas.

Municípios beneficiados

Cafezal do Sul, Guaíra, Sertaneja), Leópolis, Flórida, Marumbi, Nova Aurora, Centenário do Sul, Itaguajé, Fênix e Lunardelli.

(Assessoria)
Foto: Divulgação | Parceria foi assinada com a presença dos prefeitos na Cohapar.

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jornal Milênio
Jornal Terceiro Milênio. Inconfundível. Desde 1997 comunicando e transmitindo informações. Umuarama - Paraná - Brasil.