Umuarama

Obras da Escola de Tempo Integral foram retomadas

Uma obra importante na área educacional em Umuarama, que vinha se arrastando devido a problemas com a construtora, ganhou ritmo nas últimas semanas. A construção da nova sede da Escola Tempo Integral, na Zona 6 (Centro Social Urbano), licitada em maio do ano passado, teve a equipe de trabalhadores ampliada após tratativas entre a Secretaria Municipal de Obras, Planejamento Urbano de Projetos Técnicos e a empreiteira contratada para o serviço, por meio de licitação.

Iniciada na gestão anterior, a obra acabou abandonada pela primeira empresa. O prefeito Celso Pozzobom determinou a realização de nova licitação, tendo como objetivo a conclusão da escola, orçada em R$ 2 milhões 910 mil. A nova ordem de serviço foi assinada em 21 de maio do ano passado, porém a obra pouco avançou desde então. “A Prefeitura fez várias notificações e chegou a cogitar o rompimento do contrato, porém houve entendimento entre o município e a empreiteira e a obra foi retomada”, explicou o secretário de Obras, engenheiro Isamu Oshima.

A nova escola terá 12 salas de aula, além de cozinha, refeitório, pátio coberto, banheiros e demais dependências administrativas, e fica ao lado do Centro da Juventude (Ceju).

Caso o ritmo da obra seja mantido, a previsão de conclusão é o primeiro trimestre de 2020. “Pelo que foi acordado entre o município e a construtora, o cronograma deve ser seguido sob o risco de rompimento unilateral do contrato, em caso de descumprimento do acordo. Isso desencadearia uma nova licitação e mais atraso na obra, por isso demos um voto de confiança e a empresa tem correspondido à expectativa”, disse o diretor de Obras Nelson Bigeschi .

(Assessoria)]
Foto: Milênio | Escola de Tempo Integral terá 12 salas de aula.

 

Foto: Milênio | Obra deverá ser concluída no primeiro trimestre de 2020.

Deixe uma Resposta