Saúde

Gripe já provocou a morte de 22 pessoas no Paraná

Informe da gripe divulgado quarta-feira (15) pela Secretaria da Saúde mostra que, desde o início do ano, o Paraná já registrou 74 casos graves confirmados, sendo que 22 desses casos evoluíram para óbito. Do total de casos confirmados, a maior parte foi registrada entre os idosos (acima de 60 anos), com 28,4% das ocorrências.

A campanha de vacinação contra a gripe continua até o dia 31 deste mês. Até o momento, 61,51% de todos os grupos prioritários tomaram a vacina.

A meta do Ministério da Saúde é imunizar 90% dos grupos de crianças com idade entre seis meses e cinco anos incompletos, gestantes (em qualquer período gestacional), mulheres que tiveram parto recente, em até 45 dias (puérperas), idosos, povos indígenas, professores, trabalhadores da saúde, portadores de doenças crônicas não transmissíveis, população privada de liberdade, adolescentes e jovens de 12 a 20 anos sob medidas socioeducativas, funcionários do sistema prisional e policiais civis e militares.

Prevenção

Além da vacina, entre os principais cuidados que devem ser tomados para diminuir o risco de contaminação pelo vírus da gripe está a higienização correta das mãos. Elas devem ser lavadas frequentemente com água e sabão, sendo recomendável também complementar o processo com a aplicação de álcool 70° em gel após a lavagem. Outro cuidado é higienizar periodicamente com álcool 70 ° em gel as superfícies que entram em contato com as mãos, como mesas, teclados e maçanetas.

Recomenda-se ainda que as pessoas evitem compartilhar talheres, copos e alimentos e sempre usem lenços descartáveis para cobrir a boca na hora de tossir, espirrar ou proteger a boca com a dobra do braço, além de manter os ambientes ventilados e evitar a aglomeração de pessoas.

(Assessoria)

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.