Região

Celso Pozzobom assumiu a presidência do Cibax

Pelos próximos dois anos, o prefeito Celso Pozzobom é o novo presidente do Consórcio Intermunicipal para Conservação da Biodiversidade da Bacia dos Rios Xambrê e Piquiri (Cibax), que engloba os municípios de Umuarama, Xambrê, Pérola, Perobal, Cafezal do Sul, Iporã, Francisco Alves e Brasilândia do Sul (que aderiu recentemente). A eleição foi realizada por aclamação dia 1º de março, na Prefeitura de Umuarama.

A estrutura administrativa do Cibax para o próximo biênio conta ainda com o prefeito Almir de Almeida (Perobal) como vice-presidente, prefeito Roberto da Silva (Iporã) como tesoureiro, e o prefeito Alírio José Mistura (Francisco Alves) como secretário. O consórcio é uma ferramenta importante para a preservação ambiental na bacia do Rio Xambrê, que nasce em Umuarama e desemboca no Rio Piquiri, em Francisco Alves, e também para a conservação de estradas rurais.

Colocar a patrulha mecanizada cedida pelo Governo do Estado para trabalhar é o primeiro desafio do novo presidente do Cibax. “Queremos regularizar a patrulha e iniciar a recuperação e conservação das estradas dos municípios, a começar por Francisco Alves”, disse Pozzobom.

Os equipamentos estão no pátio da Prefeitura de Umuarama. “Faltava apenas a chegada de uma moto-niveladora e a definição do seguro das máquinas. São oito equipamentos novos, entre pá carregadeira, compactador de solo, trator, patrola e caminhões, que farão muita diferença nos serviços realizados pelos muicípios do consórcio”, acrescentou o prefeito.

Pozzobom disse que o cronograma de serviços já está definido. “Francisco Alves será o primeiro município, mas a patrulha mecanizada realizará obras em todos os membros do Cibax, pois a demanda é grande. Cada Prefeitura fica responsável por contratar os operadores do equipamento, porém podem ser utilizados funcionários públicos do próprio município, o que facilita o trabalho”, explicou.

Projetos

Mas outros projetos estão em discussão. O consórcio é uma instituição que busca o desenvolvimento socioambiental territorial, conciliando projetos e ações mitigadoras em áreas rurais e urbanas dos municípios consorciados. Entre os objetivos, busca estabelecer diretrizes e estratégias para ações no âmbito das áreas de proteção ambiental intermunicipais, representar o conjunto dos municípios em assuntos de interesse comum, perante entidades e as demais esferas constitucionais do governo; planejar, adotar e executar programas e medidas destinadas a conservação e recuperação dos ecossistemas associados ao Rio Xambrê e a promover e acelerar o desenvolvimento socioeconômico e ambiental.

Auxilia ainda em questões de zoneamento e gerenciamento das APAs municipais. Para isso, pode adquirir os bens necessários, que passam a integrar o seu patrimônio; firmar convênios, contratos e acordos, receber auxílios, contribuições e subvenções de entidades nacionais ou estrangeiras e órgãos governamentais, e prestar aos associados serviços de assistência técnica, fornecendo, recursos humanos e materiais.

(Assessoria)

Foto: Diretoria eleita do Consórcio Cibax.

 

Foto: Divulgação | Celso Pozzobom preside o Cibax por dois anos.

 

Deixe uma Resposta