Paraná

Bispos do Paraná estão reunidos em Toledo

Uma celebração Eucarística na Catedral Cristo Rei, em Toledo marcou o início da Assembleia dos Bispos do Paraná na noite de domingo, 17 de fevereiro. A Diocese local foi escolhida para sediar o primeiro encontro anual dos bispos por estar comemorando o 60º aniversário de sua criação. O bispo Dom João Carlos Seneme presidiu a celebração e deu as boas-vindas aos irmãos de episcopado.

“Estamos muito contentes porque toda a Igreja no Paraná está presente aqui na nossa Diocese. Tivemos uma celebração muito bonita de acolhida que mostra a nossa caminhada de fé”, afirmou.  Os bispos, arcebispos e administradores diocesanos foram agraciados com um ícone de Cristo Rei, patrono da Diocese, da Paróquia Catedral e do Município de Toledo. O ícone traz uma releitura da imagem de Cristo Rei nas comemorações do jubileu diocesano.

A assembleia – que acontecerá até quarta-feira (20), reúne todos os Arcebispos, Bispos e Administradores Diocesanos do Paraná, e também conta com a presença do Monsenhor Carlos José de Oliveira, nomeado para a Diocese de Apucarana. Segundo Dom Mauro Aparecido dos Santos, Arcebispo de Cascavel e presidente do Regional Sul 2 da CNBB, a assembleia é também um tempo propício para que os bispos paranaenses possam se conhecer melhor e conviver fraternalmente.

Dentre os vários assuntos que serão abordados nestes dias, Dom Mauro destaca: “Faremos uma revisão do que fizemos durante o ano que passou e um dos pontos que ocupará um tempo bastante grande será a Missão Católica São Paulo VI, em Quebo, na Guiné-Bissau, África. Nós ainda temos que tomar várias atitudes como pensar na escola, e tudo isso envolve dinheiro, pessoas e exige responsabilidade para dar continuidade a esse trabalho. Também refletiremos sobre nossas pastorais, especialmente as que precisam de maior atenção, e sobre a Romaria da Terra que acontecerá em nosso estado”.

Esta assembleia também será eletiva, na qual os bispos escolherão, dentre eles, o Presidente, o Vice-Presidente e o Secretário para conduzir o Regional nos próximos quatro anos, assim como escolherão ou confirmarão os bispos referenciais para cada Pastoral, Organismo e Movimento do Regional. “Tudo o que vamos fazer é sempre visando o Reino de Deus para que se alastre no meio de nos”, conclui Dom Mauro.

(Assessoria)

Foto: Divulgação | Bispos em assembleia.

 

Deixe uma Resposta