Política

Morreu o ex-deputado Caíto Quintana

O ex-deputado paranaense Luiz Carlos Caíto Quintana faleceu no domingo (13) em Balneário Camboriú (SC). Caíto foi vítima de infarto, aos 72 anos. A presidência da Assembleia Legislativa e o Governo do Estado decretaram luto oficial de três dias.

“O deputado Caíto foi um brilhante parlamentar. Começou sua carreira política como vereador em Planalto. Aqui na Assembleia chegou em 1982 e foi relator da Constituição do Paraná em 1989. O Paraná perde um grande homem, um grande político”, disse Ademar Traiano, presidente da Alep.

Perfil

Caito Quintana nasceu em 30 de julho de 1946, em Santo Augusto (RS), formado em Direito, veio para o Paraná em 1966, especificamente para Planalto, Sudoeste do Estado, onde exerceu a profissão de tabelião.

Caito disputou sua primeira eleição em 1972, sendo eleito vereador em Planalto, onde exerceu a presidência da Câmara Municipal e da Associação de Vereadores do Sudoeste do Paraná.

Em 1982, Caito Quintana foi eleito pela primeira vez deputado estadual com mais de 30 mil votos e exerceu oito mandatos consecutivos na Assembleia Legislativa.

No Legislativo Paranaense, foi eleito vice-presidente da Alep em 1999, foi líder da bancada do PMDB, participou de diversas comissões permanentes, como a de Constituição e Justiça, a mais importante da Casa, da qual foi Vice-Presidente.

Desde que assumiu seu primeiro mandato, Caito Quintana teve uma atuação de destaque na Assembleia Legislativa: foi relator da Constituição do Paraná, em 1989; presidiu a CPI dos Bingos; criou a Comissão Especial do Mercosul, da qual foi também o presidente, além de apresentar inúmeros projetos, proposições e trabalhos em prol dos municípios que representava.

No Executivo, Caito Quintana foi chefe da Casa Civil em dois governos de Roberto Requião (1991/94 e 2002/06).

As últimas homenagens e o sepultamento ocorreram em Curitiba.

(Assessoria)

Foto: Reprodução | Caíto Quintana.

 

Deixe uma Resposta