Região

Aberta licitação para duplicar trecho da PR-323

(Editoria)

A governadora Cida Borghetti anunciou quarta-feira (2) a abertura do edital de licitação para a primeira etapa de duplicação da PR-323, no trecho entre Paiçandu e Doutor Camargo. O Governo do Estado vai investir R$ 100 milhões na duplicação de 21 quilômetros da rodovia, incluindo também a construção de um viaduto e duas trincheiras. O edital foi publicado no Diário Oficial do Executivo.

As empreiteiras interessadas em assumir a execução do projeto tem até o dia 12 de junho para apresentar a propostas.

Esta é a primeira de três etapas de duplicação da rodovia. Ao final de cada fase, será lançado o edital do trecho seguinte. “É uma satisfação anunciar a duplicação de uma das principais rodovias do Paraná. A obra na PR-323 trará mais segurança para a população que transita pela estrada e vai agilizar o escoamento da produção da região Noroeste, uma das regiões mais importantes do Paraná”, afirmou a governadora.

O Governo do Estado vai investir, ainda neste ano, R$ 241,7 milhões na melhoria de 216 quilômetros da estrada, entre Paiçandu e Francisco Alves. Serão destinados R$ 230,8 milhões para obras e mais R$ 10,9 milhões para projetos e estudos.

No dia 1 de maio, o presidente da Comissão de Duplicação da PR-323, engenheiro civil Sérgio Frederico, disse que o projeto ‘é pequeno diante da dimensão e da importância da rodovia”. E exige a duplicação completa da via estadual. Frederico recebeu do padre Sérgio Carris, de Cianorte, documentos com centenas assinaturas de pessoas e representantes de entidades que defendem a obra. Mais de 30 mil pessoas do noroeste já registram seus nomes na lista.

Uma Missa celebrada pelo bispo Dom João Mamede Filho no Dia do Trabalhador, no Posto Três Cavalos, em Umuarama, reforçou o pedido. Também, foi em memória de vítimas sequeladas e mutiladas da estrada.

Foto: JTM | Sérgio Frederico: “Ainda é pouco pela importância da rodovia”.
Foto: JTM | Santa Missa em memória de vítimas da rodovia PR-323.
Foto: Rodovia PR-323. Trecho urbano de Umuarama ficou fora dessa etapa.

 

Deixe uma Resposta