Região

Ambientalistas promovem limpeza no Rio Paraná

Foto: Divulgação | A limpeza será realizada em área de proteção ambiental do Rio Paraná.

(Editoria)

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e o Centro de Mergulho Pro Diver promovem uma campanha de mergulho para limpeza em áreas de proteção ambiental das ilhas e várzeas do Rio Paraná. De 2 a 3 de dezembro, serão retirados materiais como dejetos e petrechos de pesca abandonados, perdidos ou descartados, fragmentos de redes, cabos, anzóis, chumbadas, cevadores e poitas. O trabalho será realizado por voluntários e mergulhadores devidamente treinados.

Entre os problemas causados pelos petrechos abandonados, encontram-se o risco de acidentes à atividade de mergulho livre e autônomo, poluição das praias, incrustação de espécies exóticas e, o principal deles, a pesca negativa e fantasma, que faz com que esses petrechos continuem a operar, de modo a capturar espécies que, enredadas, acabam morrendo, explica o chefe da APA, Erick Caldas Xavier. Além da coleta de materiais, também haverá uma discussão sobre a saúde do Rio Paraná entre mergulhadores, pescadores, pesquisadores, empresas e ambientalistas.

A campanha Clean Up Dive Rio Paraná também conta com o apoio das Prefeituras de Porto Rico e São Pedro do Paraná, do Núcleo de Pesquisa em Limnologia, Ictiologia e Aquicultura (Nupelia), Universidade Estadual de Maringá (UEM), Marinha do Brasil, Corpo de Bombeiros do Estado do Paraná, Policia Militar Ambiental e do Consórcio Intermunicipal da APA Federal Noroeste do Paraná (Comafen), além de vários mergulhadores voluntários.

Deixe uma Resposta