Região

Fazenda Lupus é desocupada pelos sem terra

Trabalhadores rurais sem terra desocuparam a Fazenda Lupus Agropecuária, do Grupo Nutriara, que havia sido invadida por eles no dia 25 de julho, em Alto Paraíso. A ordem judicial de reintegração de posse foi cumprida no dia 19 de outubro de forma parcialmente pacífica.

A operação contou com um efetivo de 300 policiais do 3º Comando Regional, e incluiu integrantes da Força Verde, do Corpo de Bombeiros e profissionais de saúde. As equipes chegaram ao local pela manhã usando dezenas de viaturas e armamentos letal e não letal. Um helicóptero deu cobertura aérea, à tropa.

Segundo a Polícia Militar, 150 pessoas foram encontradas no local – Lupus I, II e II. Duas teriam esboçado reação e foram detidas momentaneamente. Ainda forma apreendidas 6 armas de fogo que estariam escondidas em barracos. O grupo que invadiu a fazenda em julho era maior, mas parte dos trabalhadores deixou a área dias antes, voluntariamente. Os outros foram levados de ônibus, com seus pertences, às cidades de origem.

A liderança do MST insiste que a propriedade de 1.250 alqueires foi declarada improdutiva pela Justiça, em primeira instância. O proprietário contesta a improdutividade e apresenta rebanho bovino e cultura de mandioca por arrendamento na área. A demanda está sendo analisada judicialmente.
________________

Deixe uma Resposta